• Vitor Miranda

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE (OUTUBRO)


Com com a confirmação de que Caitriona Balfe receberá campanha na categoria de Melhor Atriz Coadjuvante, uma nova favorita emergiu. Com essa ruptura no seu primeiro grande papel no cinema com um filme que é forte ameaça à vitória em Melhor Filme, a atriz mais conhecida por seu papel na série "Outlander" tem tudo ao seu favor. Quem acabou sofrendo mais com isso foi sua companheira de filme Judi Dench, que recebeu críticas muito menos entusiasmadas.


Outras atrizes que devem ter ajuda pela força de seu filme são Aunjanue Ellis de King Richard e Kirsten Dunst de The Power of the Dog. Ellis recebeu ótimas críticas durante o Festival de Telluride e já possui duas indicações ao Emmy no currículo, o que mostra que de certo modo ela é reconhecida por seus colegas da indústria. O mesmo se encaixa para Dunst que já foi reconhecida por seu papel na minissérie "Fargo" e que possui ótimas performances em sua carreira.


Ruth Negga e Marlee Maltin acabaram de receber indicações ao Gotham Awards por seus papeis em Passing e CODA e fazem parte da corrida ao Oscar. Enquanto Ruth possui mais chances de ser indicada por ter um papel mais atraente para os votantes da Academia, Marlee possui a narrativa de ser a única atriz surda a vencer o Oscar de Melhor Atriz, mas deve enfrentar dificuldades por ter um papel pequeno em comparação a suas concorrentes.



Ann Dowd definitivamente tem o papel necessário para ser indicada ao Oscar, mas o que atrapalha as suas chances são o fato de estar em um filme difícil de vender ao público e uma distribuidora que já mostrou diversas vezes que não sabe lidar com campanhas ao Oscar. A atriz pode se beneficiar do seu carisma e do seu respeito na indústria, mas o esnobe no Gotham Awards não é nada bom para suas chances.


Toni Collette em Nighmare Alley e Meryl Streep em Don't Look Up correm por fora pelo fato de não sabermos nada sobre suas personagens e sobre seus filmes. Segundo pessoas que assistiram Don't Look Up nas test screenings, Meryl rouba a cena com o seu papel cômico, mas a atriz parece estar sofrendo de fatiga na indústria visto que não consegue emplacar nada desde The Post.


Jessie Buckley e Dakota Johnson são alternativas caso a Academia realmente goste de The Lost Daughter, mas por ser um filme sobre as dificuldades da maternidade, grande parte dos votantes podem rejeita-lo.


As apostas de Outubro são:

  1. Caitriona Balfe, Belfast

  2. Kirsten Dunst, The Power of the Dog

  3. Ruth Negga, Passing

  4. Aunjanue Ellis, King Richard

  5. Judi Dench, Belfast

  6. Marlee Matlin, CODA

  7. Ann Dowd, Mass

  8. Meryl Streep, Don't Look Up

  9. Toni Collette, Nightmare Alley

  10. Jessie Buckley, The Lost Daughter